Venda de carros cai 7,4% em agosto, diz Fenabrave

02/09/2014 16:44

Foram comercializadas 272.495 unidades no mês, contra 294.778 em julho.
Na comparação com 2013, queda é ainda maior, de 17,12%.

André Paixão | G1, em São Paulo

As vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil caíram 7,38% em agosto, na comparação com o mês de julho, afirmou a Fenabrave (federação nacional dos concessionários) nesta terça-feira (2). Ao todo, foram vendidos 259.152 carros, contra 279.805 no mês de julho. Considerando também ônibus e caminhões, a soma em agosto chega a 272.795, uma queda de 7,56% sobre o montante de veículos vendido em julho.

Na comparação com agosto de 2013, as vendas de carros caíram 17,12%. No mesmo período do ano passado, foram vendidas 279.805 unidades.

Incluindo caminhões e ônibus, as vendas de veículos recuaram 17,22% nessa comparação anual.

Surpresa

O presidente da Fenabrave, Flavio Meneghetti, afirmou que a queda nas vendas em agosto foi contra as previsões. "Fomos surpreendidos com um mês de agosto pior do que o de julho, que foi mês de Copa do Mundo e cheio de feriados", afirmou.

O executivo vê um ambiente pessimista para consumidor, principalmente pelas informações econômicas, e a dificuldade de acesso ao crédito como as principais causas da contração no número de emplacamentos.

Esperança nos próximos meses

No acumulado de janeiro a agosto, houve 2.230.126 carros, caminhões e ônibus comercializados, contra 2.470.421 unidades no mesmo período de 2013. Isso representa uma queda de 9,73%. Só o segmento de carros teve queda de 9,51% no ano, comparado aos oito primeiros meses de 2013, com 2.125.543 unidades emplacadas contra 2.344.386.

Assim como o ministro da Fazenda, Guido Mantega, Meneghetti acredita que os últimos meses do ano serão melhores. "O IPI (Impostos sobre Produtos Industrializados) deve subir em janeiro. Isso, junto aos demais fatores, pode fazer com que o último trimestre represente um crescimento, que ajude a recuperar os 9% perdidos ao longo do ano", avaliou.

Palio x Gol

No ranking dos carros mais vendidos, pelo terceiro mês o Fiat Palio apareceu em primeiro, à frente do Gol. Foram 14.305 unidades emplacadas contra 14.198 do rival da Volkswagen. No acumulado do ano, a vantagem do Gol, que ainda lidera, diminuiu de 9.396 unidades, em julho, para 9.288 em agosto, ainda na comparação com o Palio.

Outros segmentos

Além dos carros, os demais segmentos também tiveram resultado negativo em agosto.

Entre os caminhões, houve queda de 12,54% em relação a julho. Foram 10.926 unidades em agosto, contra 12.492 em julho e 13.376 no mesmo mês de 2013. No ano, a retração acumulada é de 13,85%. Foram 88.710 caminhões emplacados neste ano, contra 102.975 unidades nos oito primeiros meses do ano passado. 

Ônibus

Com 2.417 unidades, a venda de ônibus sofreu queda de 2,58% em agosto, na comparação com julho de 2014, quando foram emplacados 2.481. Na comparação com agosto de 2013, as vendas caíram 22,31%. Naquele mês, foram vendidas 3.111 unidades.

Motos

Contado à parte, o setor de duas rodas também apresentou redução no volume de vendas. Em agosto foram 111.320 unidades, uma queda de 8% em relação às 121.016 de julho. Na comparação com agosto do ano passado, a diminuição foi de 13,77%. No acumulado do ano, a retração é menor, de 6,08%. Até o fim de agosto de 2014, foram emplacadas 950.048 motos, ante 1.011.566 no mesmo período do ano passado.

Manifeste sua opinião sobre essa matéria

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário