Capela de Nossa Senhora da Conceição

Capela de Nossa Senhora da Conceição

A igreja, que se encontra em uma grande elevação, apresenta em sua frente grande escadaria de acesso à entrada principal. Erguida no ano de 1663, pelo devoto Thomaz de Pina, recebeu em 27 de agosto de 1671 a doação de 200 braças de terra dos herdeiros de Araribóia. Era freqüentada pelos índios da Aldeia de São Lourenço que aos sábados cantavam ali a ladainha. 

Quando da elevação da povoação de São Domingos da Praia Grande à Vila Real da Praia Grande, em 11 de agosto de 1819, cantou-se nela solene Te-Deum, o que indica já então a sua importância. 

Foi reformada em 1927, quando se construiu o Santuário da Conceição ao lado da Igreja. Na fachada principal observa-se porta emoldurada por granito e encimada por azulejo da Virgem na altura do coro, ladeada por duas sacadas em ferro trabalhado, cimalhada que divide o campanário e a torre, esta cercada por balaústres e encimada por cruz. No seu interior, há pintura no teto e nas paredes. Belo altar com colunas jônicas no Santuário. No corpo da Igreja, altares de Sant'Ana e Nossa Senhora das Dores. Rodapé de um metro de altura em mármore branco também acompanha o corpo da igreja. Merecem destaque as duas imagens de Nossa Senhora da Conceição, sendo uma barroca, de madeira, com 316 anos, de origem portuguesa e outra de terracota, com 216 anos, de origem francesa.